sábado, 6 de outubro de 2018

6 on 6: O que me inspira

Mais uma vez voltei com o projeto 6 on 6 - que ano passado se chamava 7 on 7 - e já estava morrendo de saudades dele. Para quem não sabe, esse é um projeto onde 6 blogueiras, postam 6 fotos todo dia 6 do mês e o tema de Outubro é fazer fotos que mostre coisas que te inspiram. Foi um pouco difícil fazer um brainstorm para me ajudar com as fotos desse post. Como são apenas 6 fotos é difícil resumir o que me inspira, já que vários aspectos da vida fazem isso.    Essa primeira foto é dos Ipês-amarelos que estão florescendo no meu bairro, ainda não tem tantas flores já que estamos no inicio da primavera. Essa foi a arvore mais baixa que encontrei para fazer uma foto que represente meu amor pelas estações - tirando o verão, pois só gosta do verão quem quer sofrer com calor 😂. Uma das coisas que mais me inspiram e determinam o meu humor, são as estações e as minhas favoritas é o inverno e a Primavera. Amo estar em contato com a natureza e essas são as época mais drásticas para ela, onde sinto que tudo acontece sabe? Mad Souls Blog

Mais uma vez voltei com o projeto 6 on 6 - que ano passado se chamava 7 on 7 - e já estava morrendo de saudades dele. Para quem não sabe, esse é um projeto onde 6 blogueiras, postam 6 fotos todo dia 6 do mês e o tema de Outubro é fazer fotos que mostre coisas que te inspiram. Foi um pouco difícil fazer um brainstorm para me ajudar com as fotos desse post. Como são apenas 6 fotos é difícil resumir o que me inspira, já que vários aspectos da vida fazem isso.

Essa primeira foto é dos Ipês-amarelos que estão florescendo no meu bairro, ainda não está tão florido já que estamos no inicio da primavera. Essa foi a arvore mais baixa que encontrei para fazer uma foto que representasse meu amor pelas estações - a única estação que não gosto é o verão, pois só gosta do verão quem quer sofrer com calor 😂. Uma das coisas que mais me inspiram e determinam o meu humor do momento, são as estações. As minhas favoritas são a Primavera e o Inverno. Amo estar em contato com a natureza e essas são as época mais drasticas para ela, onde sinto que tudo acontece sabe

Uma constante na minha vida é a fotografia, não consigo lembrar de algum momento em que eu não estivesse com uma câmera na mão. Meu pai desde jovem fazia fotos amadoras e acabei nascendo com esse gosto, desde pequena amava pegar a câmera dele e torrar os filmes dele, mais adiante na era digital meu pai deu pra minha mãe de presente uma compacta que eu acabei usurpando. Em todos os momentos da minha vida eu tentei capturar com minhas lentes, cada foto que eu capturei ou que outros artistas capturaram sempre serviram como uma fonte de inspiração para mim.    Eu posso abrir mão de muitas coisas na minha vida, mas não consigo imaginar minha vida sem a fotografia. Ela me inspira em cada aspecto da minha vida. O que provavelmente vocês conseguiram perceber. Mad Souls Blog

Outra fonte de inspiração e que é uma constante na minha vida é a fotografia. Não consigo lembrar um momento em que eu não estivesse com uma câmera na mão.

Meu pai desde jovem gostava de fotografar e fazia bastante fotos amadoras. Acho que acabei nascendo com esse gosto, desde pequena amava pegar a câmera dele e torrar os filmes, lembro que constantemente escondiam a câmera de mim 😂 Depois mais adiante na era digital meu pai deu pra minha mãe de presente uma compacta que eu acabei usurpando. Em todos os momentos da minha vida eu tentei capturar com minhas lentes, algo que eu achasse que poderia valer a pena guardar. Desde cedo percebi que cada foto que capturei me fazia bem e me inspirava. Amava ir em bienais onde fotos de outros artistas me inspiravam a continuar com a fotografia.

A fotografia tem um lugar permanente no meu coração, eu até posso abrir mão de muitas coisas na minha vida, mas não consigo imaginar minha vida sem a fotografia. O que provavelmente vocês conseguiram perceber 😂

Livros tem o poder de te enviar para uma realidade completamente diferente da sua, te faz viver aventuras e conhecer lugares que tu nunca imaginou que iria ser possível ou interessante. Por conta disso ele acaba te inspirando de uma forma ou outra. Sempre amei escutar histórias ou assistir filmes, mas achava que os detalhes eram insuficientes e os livros conseguiam satisfazer essa minha curiosidade.    O engraçado que quando pequena, sempre imagine que ler varias paginas seria bem chato para uma pessoa inquieta como eu. Mas, graças a ser uma criança espoleta que vivia fazendo arte, minha mãe me colocava de castigo no quarto ser direito a sair e assistir filmes. Foi então que tive a brilhante ideia de me cadastrar na biblioteca da escola, comecei com poesias já que eram pequenas, mas pra uma criança de 10 anos não era divertido o suficiente, então me aventurei em clássicos da literatura como Morro dos ventos Uivantes (meu primeiro crush literário foi o Heathcliff). Com o tempo eu comecei a devorar vários livros por semana, ler outros gêneros e ter um livro ao alcance da mão em todos os momentos do dia. Chegou em uma época (livros digitais) que eu chegava a ler 1 livro por dia. Hoje continuo lendo bastante, inclusive se vocês tiverem algum livro para indicar e que a leitura seja envolvente é só deixar nos comentários <3 Mad Souls Blog

Livros tem o poder de te enviar para uma realidade completamente diferente da sua, te faz viver aventuras e conhecer lugares que tu nunca imaginou que iria ser possível ou interessante. Por conta disso ele acaba te inspirando de uma forma ou outra. Sempre amei escutar histórias ou assistir filmes, mas achava que os detalhes eram insuficientes e os livros conseguiam satisfazer essa minha curiosidade.

O engraçado que quando pequena, sempre imaginei que ler varias páginas de um livro grande seria bem cansativo para uma pessoa inquieta como eu. Mas, graças a ser uma criança espoleta que vivia fazendo arte, minha mãe me colocava de castigo no quarto onde passava a tarde sem brincar e assistir filmes. Foi então que tive a brilhante ideia de me cadastrar na biblioteca da escola. Os primeiros livros que retirei eram de poesias já que eram pequenas, mas pra uma criança de quase 10 anos isso não era divertido o suficiente, então me aventurei em clássicos da literatura como Morro dos ventos Uivantes (meu primeiro crush literário foi o Heathcliff). Com o tempo eu comecei a ter um livro ao alcance da mão em todos os momentos do dia e devorar vários livros por semana. Chegou uma época (livros digitais) em que eu conseguia ler um livro por dia. Hoje continuo lendo bastante, inclusive se vocês tiverem algum livro para indicar e que a leitura seja envolvente é só deixar nos comentários <3

Road Trip é uma das coisas mais inspiradoras que se tem para fazer e nem precisa que o ponto de destino seja um lugar tão interessante assim. Eu amo ir para um lugar que não conheci ou até mesmo um que já visitei e ter um novo olhar. E ajuda que toda Road Trip é uma grande oportunidade para fotografar ainda mais.    Umas das coisas que gosto de fazer, é imaginar como seria se minha vida fosse vivida ali e como as pessoas vivem lá. Eu sei que é meio louco, mas eu não consigo evitar de ficar imaginando a vida das pessoas que passaram por aquele determinado local e quando faço isso, minha inspiração flui. Mad Souls Blog

Road Trip é uma das coisas mais inspiradoras que se tem para fazer e nem precisa que o ponto de destino seja um lugar tão interessante assim. Eu amo ir para um lugar que não conheci ou até mesmo um que já visitei e ter um novo olhar. E ajuda que toda Road Trip é uma grande oportunidade para fotografar ainda mais.

Umas das coisas que gosto de fazer, é imaginar como seria se minha vida fosse vivida ali e como as pessoas vivem lá. Eu sei que é meio louco, mas eu não consigo evitar de ficar imaginando a vida das pessoas que passaram por aquele determinado local e quando faço isso, minha inspiração flui.

Outra constante na minha vida é a musica, fico até um pouco horrorizada quando alguém me fala que não anda escutando musicas ultimamente. Eu tenho um grande problema com foco, eu constantemente me distraio com grande facilidade e a música sempre me ajudou a focar, quase 50% do dia eu passo escutando musicas. Quando criança eu dormia apenas quando meu pai colocava para tocar duas musicas e minhas escolhas eram sempre Pink Floyd e Debussy - Clair de Lune.    Eu sou aquele tipo de pessoa que sonha em aprender a tocar qualquer instrumento, mas nunca consegue. Infelizmente o talento musical na minha família ficou com um dos meus irmãos, inclusive eu roubei essa guitarra dele para fotografar.  Mad Souls Blog

Outra constante na minha vida é a musica, fico até um pouco horrorizada quando alguém me fala que não anda escutando musicas ultimamente. Eu tenho um grande problema com foco, constantemente me distraio com grande facilidade e a música sempre me ajudou a focar. Quase 50% do dia passo escutando musicas para me concentrar. Quando criança eu dormia apenas quando meu pai colocava para tocar duas musicas e minhas escolhas eram Pink Floyd e Debussy - Clair de Lune quase sempre.

Sou aquele tipo de pessoa que sonha em aprender a tocar qualquer instrumento, mas nunca consegue. Infelizmente o talento musical na minha família ficou com um dos meus irmãos, inclusive eu roubei essa guitarra dele para fotografar.

Para falar a verdade toda forma de arte me inspira. Cada fragmento que vivi, cada pessoa que conheci, mesmo aquelas que conversei por uma hora em um assento do ônibus e que depois disso nunca mais vi, me inspiraram de alguma fora. O cotidiano, pessoas, filmes, musica, escola, conversas, ganhos e perdas contribuem para ser uma fonte de inspiração. É como que se cada coisinha pequena dessas quando somadas, se transformam em um grande todo que te ajudam em matéria de inspiração. Acho que é questão de apenas deixar tudo isso fluir.     Pessoal, espero que tenham gostado das fotos e me desculpe por ter escrito tanta coisa nesse post, é que eu não consegui evitar explicar cada ponto de inspiração. Além disso eu fiquei curiosa para saber sobre vocês. Quais são as coisas que te inspiram na vida? Mad Souls Blog

Na verdade toda forma de arte me inspira. Cada fragmento que vivi, cada pessoa que conheci, mesmo aquelas que conversei por uma hora em um assento do ônibus e que depois disso nunca mais vi, me inspiraram de alguma forma. O cotidiano, pessoas, filmes, musica, escola, conversas, ganhos e perdas contribuem para ser uma fonte de inspiração. É como que se cada coisinha pequena dessas quando somadas, se transformassem em um grande todo que te ajudam em matéria de inspiração. Acho que é questão de apenas deixar tudo isso fluir.

Pessoal, espero que tenham gostado das fotos e me desculpe por ter escrito tanta coisa nesse post, é que eu não consegui evitar explicar cada ponto de inspiração. Além disso eu fiquei curiosa para saber sobre vocês. Quais são as coisas que te inspiram na vida?

Ahhhh e não se esqueça de conferir as fotos das outras gurias que estão participando desse projeto:

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Secret Escape

playlist secret escape blog mad souls

Resolvi voltar a fazer esses posts com indicação de musicas em formato de playlist no spotify. Eu não sei montar posts "musicais" de outra maneira. Até tentei, mas sou a louca das playlists e não podia deixar de lado esse tipo de post. Fazer playlists é quase uma terapia pra mim, não sei se vocês são assim, mas a musica me ajuda muito a ser mais produtiva durante o dia.

Esse mês encontrei vários artistas e bandas incríveis que ainda não conhecia. Um dele é o Thalles, ele é um ator/musico gaúcho que eu conheci através do filme Yoñlu. Quando vi alguns videos promocionais do filme, achei legal a voz dele e resolvi pesquisar era algum cantor (se tinha uma banda ou algo do tipo). Quando encontrei o ultimo álbum dele foi amor a primeira. Minha favorita foi "You, the ocean and Me", ela tem uma pegada bem rock alternativo e o clipe é muito lindo - as escolhas de cores, a fotografia, as locações... Se tu é uma pessoa que curte uma cria da Lana del Rey com o Morrissey, tenho certeza que vai gostar dele <3


Além do Thalles, tem um cantor que já conheço faz alguns anos e amo as musicas dele. Ele não é uma novidade, mas o clipe pra mim foi hahah. Estava procurando alguns videos pelo youtube para montar esse post e acabei percebendo que o Declan tinha feito uma nova versão de clipe (já tem mais de 1 ano hahah) para a musica Brazil. Achei bem justo compartilhar por aqui, já que o Declan é um dos cantores que quase sempre aparece nas minhas playlist hahha

E pra quem não sabe, a musica Brazil é uma critica para a corrupção em torno da copa do mundo daqui do Brasil. O Declan tinha criado uma melodia, mas ainda não tinha escrito a letra para ela. Nessa época ele leu algumas noticias sobre a corrupção e resolveu escrever sobre e ele tinha apenas 16 anos. Conheci essa música faz uns anos e foi através de uns dos poucos vlogs de fotografia que assisto (não sou uma pessoa que consome muito videos do youtube, em grande maioria é sempre clipes, shows ou vlogs de fotógrafos viajando).


E essa é a playlist que montei, espero que gostem dela e se tiverem alguma banda/cantor para me indicar eu vou ficar bem feliz <3

 

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Um dia nublado no Gasômetro

Porto Alegre, RS, Brasil
Para falar a verdade, essas fotos não foram feitas na usina do gasômetro (já que infelizmente ela está fechada) e sim na frente do gasômetro e pelo trecho revitalizado da orla do Guaíba. Um dos principais cartões postais da cidade (pode perguntar para qualquer porto-alegrense) é o pôr do sol na beira do Guaíba. Os dois pontos mais "famosos" para curtir essa vista é o do Museu Ibere Camargo que fica na zona sul e o da orla da usina do gasômetro que fica no Centro Histórico. Além desses, temos trocentos outros que são igualmente belos ou até mais, mas resolvi fotografar no mais clichê hahahah    Aqui é meio que uma tradição porto-alegrense se reunir no gasômetro para tomar chimarrão, fazer um picnic, caminhar, andar de bicicleta, visitar o centro cultural (quando estava aberto kk) e conversar com os amigos. Acho que o único ponto negativo é que se tu não é uma pessoas das multidões (como eu) pode achar meio chato o fato do local estar sempre lotado, até mais que o centro de Porto Alegre - eu exagerei um pouquinho hahaha mad souls blog

Para falar a verdade, essas fotos não foram feitas na usina do gasômetro (já que infelizmente ela está fechada) e sim na frente do gasômetro e pelo trecho revitalizado da orla do Guaíba. Um dos principais cartões postais da cidade (pode perguntar para qualquer porto-alegrense) é o pôr do sol na beira do Guaíba. Os dois pontos mais "famosos" para curtir essa vista é o do Museu Ibere Camargo que fica na zona sul e o da orla da usina do gasômetro que fica no Centro Histórico. Além desses, temos trocentos outros que são igualmente belos ou até mais, mas resolvi fotografar no mais clichê hahahah

Aqui é meio que uma tradição porto-alegrense se reunir no gasômetro para tomar chimarrão, fazer um picnic, caminhar, andar de bicicleta, visitar o centro cultural (quando estava aberto kk) e conversar com os amigos. Acho que o único ponto negativo é que se tu não é uma pessoas das multidões (como eu) pode achar meio chato o fato do local estar sempre lotado, até mais que o centro de Porto Alegre - eu exagerei um pouquinho hahaha

Já que não sou uma pessoa das multidões e queria fazer algumas fotos do pôr do sol para trazer pra cá, eu decidi ir em um dia menos movimentado. Fui na segunda feira (depois de muita correria), mas infelizmente o tiro saiu pela culatra e estava nublado (estava super escuro) e não parava de chover o dia inteiro.    Eu sou daquelas pessoas que são super insistentes, então não me dei por vencida e tentei fazer algumas fotos mesmo com o tempo ruim. E disso tudo saiu esse post <3 mad souls blog

Já que não sou uma pessoa das multidões e queria fazer algumas fotos do pôr do sol para trazer pra cá, eu decidi ir em um dia menos movimentado. Fui na segunda feira (depois de muita correria), mas infelizmente o tiro saiu pela culatra e estava nublado (estava super escuro) e não parava de chover o dia inteiro.

Eu sou daquelas pessoas que são super insistentes, então não me dei por vencida e tentei fazer algumas fotos mesmo com o tempo ruim. E disso tudo saiu esse post <3

Eu gosto de fotografar em dias nublados, mas odeio fotografar em dias com ventos e isso foi exatamente o que aconteceu naquele dia. Ali na beira do Guaíba o vento estava cortante, meu cabelo parecia o da Marge Simpsons, ele ficava constantemente voando pra cima 😂    Tive a sorte de que algumas das fotos estarem okay, então me desculpa o cabelo todo revolto hahah mad souls blog

Eu gosto de fotografar em dias nublados, mas odeio fotografar em dias com ventos e isso foi exatamente o que aconteceu naquele dia. Ali na beira do Guaíba o vento estava cortante, meu cabelo parecia o da Marge Simpsons, ele ficava constantemente voando pra cima 😂

Tive a sorte de que algumas das fotos estarem okay, então me desculpa o cabelo todo revolto hahah

Essa foi uma das minhas fotos favoritas desse dia, além dessa eu amei muito a composição da primeira foto do post <3 mad souls blog

Essa foi uma das minhas fotos favoritas desse dia, além dessa eu amei muito a composição da primeira foto do post <3 mad souls blog

Essa foi uma das minhas fotos favoritas desse dia, além dessa eu amei muito a composição da primeira foto do post <3

Essa construção acima é um futuro restaurante em 360 graus que estava previsto para abrir agora em Setembro (não sei com toda certeza quando exatamente), já estou bem curiosa para conhecer, já que não dava pra chegar próximo daquele ponto. mad souls blog

Essa construção acima é um futuro restaurante em 360 graus que estava previsto para abrir agora em Setembro (não sei com toda certeza quando exatamente), já estou bem curiosa para conhecer, já que não dava pra chegar próximo daquele ponto.

Amo brincar com novas perspectivas. Às vezes mesmo um angulo que pode ser bem "ruim" para a maioria das pessoas, pode resultar em uma ótima foto. A chave para conseguir uma foto unica e diferente é ser mais atenta aos detalhes que te rodeiam e imaginar como uma foto iria sair em inúmeros locais/ângulos. mad souls blog

Amo brincar com novas perspectivas. Às vezes mesmo um angulo que pode ser bem "ruim" para a maioria das pessoas, pode resultar em uma ótima foto. A chave para conseguir uma foto unica e diferente é ser mais atenta aos detalhes que te rodeiam e imaginar como uma foto iria sair em inúmeros locais/ângulos. mad souls blog

Amo brincar com novas perspectivas. Às vezes mesmo um angulo que pode ser bem "ruim" para a maioria das pessoas, pode resultar em uma ótima foto. A chave para conseguir uma foto unica e diferente é ser mais atenta aos detalhes que te rodeiam e imaginar como uma foto iria sair em inúmeros locais/ângulos. mad souls blog

Amo brincar com novas perspectivas. Às vezes mesmo um angulo que pode ser bem "ruim" para a maioria das pessoas, pode resultar em uma ótima foto. A chave para conseguir uma foto unica e diferente é ser mais atenta aos detalhes que te rodeiam e imaginar como uma foto iria sair em inúmeros locais/ângulos.

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.    Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3 mad souls blog

Vou confessar que a principio, ia excluir todas essas fotos quando abri todas para editar. Normalmente minhas edições são pouco saturadas, com mais contraste e sempre puxam para um tom quente ou para o cinza, mas quando o clima já está assim, as fotos não ficam tão legais ou como eu queria.

Depois de um tempo fuçando nas fotos meio que tive uma ideia, lembrei de uma fotografa que gosto bastante. Essa fotografa costuma fazer fotos com o filme Portra 400 no pôr do sol e as fotos sempre ficam rosadas, fazia algum tempo que queria tentar, mas o preço desse filme é salgado por aqui. O nome dessa fotografa que citei é a Emma Craft (outro dia posso fazer um post sobre ela) e se tu quiser dar uma olhada nas fotos dela é só clicar aqui. Amei muito as fotos nesse tom rosado, a inspiração veio na hora certa e fiquei bem feliz por não ter excluído as fotos <3


Esse monumento se chama Olhos Atentos, ele serve como um "mirante" e suporta 20 pessoas por vez, quando fui subir fiquei contando quantas tinha hahahah Em finais de semana, normalmente ele fica bloqueado, pois as pessoas não respeitam a quantidade suportada por ele e fica difícil de se cuidar, mesmo com os guardas municipais por ali.    É quase impossível fazer uma foto assim como a minha, já está sempre cheio, mas grazadeus por um momento consegui ficar quase sozinha. Essa foi a unica foto que consegui aparecer sozinha e por isso saí com os olhos fechados hahah mad souls blog

Esse monumento se chama Olhos Atentos, ele serve como um "mirante" e suporta 20 pessoas por vez, quando fui subir fiquei contando quantas tinha hahahah Em finais de semana, normalmente ele fica bloqueado, pois as pessoas não respeitam a quantidade suportada por ele e fica difícil de se cuidar, mesmo com os guardas municipais por ali.

É quase impossível fazer uma foto assim como a minha, já está sempre cheio, mas grazadeus por um momento consegui ficar quase sozinha. Essa foi a unica foto que consegui aparecer sozinha e por isso saí com os olhos fechados hahah

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

 Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.    Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha mad souls blog

Espero que tenham gostado das fotos, não expliquei muito sobre o lugar em si, pois eu estou planejando voltar e fazer algumas fotos com um pôr do sol de verdade. Vocês gostam desse estilo de post onde eu mostro um pouquinho da minha cidade? Se sim eu posso criar outros nesse estilo.

Andei pensando bastante em voltar com algum projeto fotográfico e com os posts indicando musicas em formato de playlist, o que vocês acham disso? Ultimamente ando bem perdida com o blog haha

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Quase 5 meses de hiatus do blog


Juro que não tinha planejado sumir por tanto tempo assim, mas só agora depois de quase 5 meses consegui aparecer por aqui. Já tentei fazer esse post por pelo menos 4 vezes, só que sempre desistia de publicar, pois não senti que teria tempo para voltar pra cá. Só agora sinto que vou conseguir produzir conteúdo para o blog. Então esse post vai ser uma explicação bem resumida dos motivos da ausência, achei que ia ser estranho voltar sem explicar.

De uns tempos pra cá, eu não estava sentindo muita vontade de abrir o blog para postar algo. Simplesmente não rolava e não acho que é legal se forçar para criar qualquer coisa. Esse ano, já não estava conseguindo postar tão regularmente por conta da correria do dia a dia. Até queria postar, conseguia montar textos de alguns posts e fotos de outros, mas nunca tinha paciência para concluir um. Agora começa o drama rsrs: Aí quando resolvi deixar de lado a procrastinação, meu notebook/celular/tablet acabaram quebrando todos no mesmo dia 🤦🏻‍♀️. Depois disso, consegui recuperar o notebook, mas perdi tudo o que tinha lá (minhas fotos/posts do blog/coisas pessoais). Depois disso eu ia me programar para arranjar algum tempo para fotografar (estava chovendo muito), mas nesse meio tempo minha mãe teve um problema de saúde o que piorou a situação com o blog, se antes eu não tinha tempo, agora sim que eu não teria de verdade.

Confesso que sou uma pessoa que tem um grande problema de procrastinação (quando começo com a procrastinação, é bem difícil de sair desse ciclo), então com tudo isso piorou e foi o motivo do blog estar meio jogado as traças. Então, resolvi voltar hoje com o blog, pois se passasse mais um mês eu iria ter vergonha/preguiça para aparecer por aqui. Sinto bastante falta do blog, de fotografar e de escrever por aqui. Espero que vocês tenham um pouco de paciência comigo, vou tentar voltar aos poucos pra cá, com o tempo posso voltar a postar outra vez duas vezes por semana, mas por enquanto vai ser apenas uma :/.

Não sei como terminar o post, já que não costumo fazer esse tipo de post, mas só queria avisar que semana que vem já apareço com algum post legal ou não tão legais.

sexta-feira, 9 de março de 2018

Resenha: Bronzer Hoola da Benefit



Aqui no blog não tem muitas resenhas de produtos de beleza, mas no inicio do ano comprei na Sephora algumas maquiagens novas (bronzer+paleta de sombras), então achei legal fazer um post com minha opinião sobre esses produtos.

Como eu já expliquei na resenha da base Matchmaster, eu não sou uma pessoa que é muito fã de desperdiçar dinheiro com maquiagem caras, pois quase não uso e por conta disso me dói quando tenho que gastar muito com isso. Mas, fazia algum tempo que queria aprender a usar aquelas técnicas de contorno, só que eu queria encontrar algum bronzer que não ficasse laranja no meu rosto - isso acontece com muita facilidade - e fosse mais suave.


Sempre li comentários positivos sobre o Bronzer Hoola da Benefit, mas por ele ter um preço um pouco salgado eu estava com receio de comprar e não gostar. Eis que eu estava navegando pela Sephora, meu objetivo era apenas repor minha base - que durou quase 3 anos - e eu vi que tinha a versão miniatura desse produto e era a metade do preço full sized. Então em um momento de impulso, coloquei o bronze no carrinho e fiquei aguardando ansiosamente ele chegar para testar.


A textura do bronzer é pigmentada e dura bastante na pele, por isso tem que ter um pouco de cuidado na hora de dosar a quantidade certa para não ficar muito marcado. O tom dele é de um marrom médio suave com um fundo meio caramelo, ele é um tom quente ideal. Também tem a versão lite que é mais clara, mas resolvi comprar essa versão tradicional para usar menos produto. Prefiro construir camadas para ficar mais sutil.


O bronzer veio com esse pincel aplicador que é bem legal de se usar, mas acabei perdendo o meu pela casa haha


Esqueci de fazer uma foto mais próxima do pó :/



Lightly blush this soft matte bronzing powder across cheek bones and forehead or anywhere you'd love to look tan.
INGREDIENTS: talc, iron oxides (CI77491CI77492CI77499), zinc stearate, ethylhexyl palmitate, titanium dioxide (CI77891), dimethicone, manganese violet (CI77742), methylparaben, sodium dehydroacetate, boron nitride, propylparaben, butylparaben. N° 3N5276

A textura do Bronzer é bem fina, mas ele não faz sujeira quando tu vai aplicar o que é um ponto positivo. Ele é de um tom bem suave como vocês podem ver na foto acima (só abrir a foto numa nova guia para aproximar ou clicar aqui). Algo que sempre quis ter era aquelas maças definidas, só que não tenho muita maça e nem bochecha, então sinto que é tudo reto ali e queria esconder um pouco o meu maxilar para ter mais "maças". Acho que com esse bronzer eu consegui chegar bem próximo do que queria.

Óbvio que caprichei um pouco na quantidade do bronzer para fazer as fotos e assim mostrar mais o efeito dele, mas dá para aplicar menos produto :)


Como já tinha falado, comprei a versão mini que se encaixava melhor na minha situação, paguei 80 reais e ele tem 4g que é a metade do valor e quantidade da versão full sized. E aqui esta o link do site da Sephora se vocês quiserem dar uma olhada :)

Espero que essa resenha ajude vocês se estiverem na dúvida se devem ou não comprar o bendito bronzer, semana que vem vou tentar fazer as fotos da paleta de sombra - ela já está suja de tanto que estou usando haha. Mas, iria ficar super feliz se vocês indicassem outros bronzers legais, gostaria muito de experimentar outros bronzer que funcionem comigo e se for barato/bom vai ser melhor ainda hahah

domingo, 25 de fevereiro de 2018

Uma tarde na Casa de Cultura Mario Quintana

Porto Alegre, RS, Brasil
Já faz algum tempo que fiz essas fotos, pra ser mais precisa foi final do ano passado. Um dos lugares que mais amo aqui em Porto Alegre é a Casa de Cultura Mario Quintana. Esse lugar ocupa um grande espaço no meu coração e por conta disso queria trazer um pouquinho dele para o blog, mesmo que fosse através de fotos. Então convidei uma amiga para visitar a CCMQ e fazer algumas fotos do local.    Nesse dia, estava acontecendo um Mercado Vintage, onde estava reunido dezenas de brechós especializados em vintage, discos, livros, food truck, comidinhas veganas, e cervejarias artesanais. Gostaria de ter feito varias fotos, mas estava lotado e meio difícil de se espremer para fazer fotos. Na próxima tento fazer algumas bem legais :)- casa de cultura mario quintana- mad souls blog

Um dos lugares que mais amo aqui em Porto Alegre é a Casa de Cultura Mario Quintana. Esse lugar ocupa um grande espaço no meu coração e por conta disso queria trazer um pouquinho dele para o blog, mesmo que fosse através de fotos. Então convidei uma amiga para visitar a CCMQ e fazer algumas fotos do local.

Nesse dia, estava acontecendo um Mercado Vintage, onde estava reunido dezenas de brechós especializados em vintage, discos, livros, food truck, comidinhas veganas, e cervejarias artesanais. Gostaria de ter feito varias fotos, mas estava lotado e meio difícil de se espremer para fazer fotos. Na próxima tento fazer algumas bem legais :)


A CCMQ já foi um famoso hotel luxuoso da década de 1920. Durante o seu auge, o Hotel Majestic teve como hóspedes grandes nomes da política e do mundo artístico. Em 1980 o Hotel Majestic veio a ser comprado pelo Banrisul (é um banco estadual gaúcho). Dois anos depois o governo do Estado adquiriu ele do Banrisul e, um ano mais tarde ele virou um patrimônio histórico.

A CCMQ foi nomeada em homenagem a um dos maiores poetas brasileiros, Mário Quintana, que é natural de Alegrete mas que adotou Porto Alegre como sua cidade de coração. Ele viveu no hotel entre 1968 e 1980, no apartamento 217.







A Casa de Cultura Mario Quintana conta com 7 andares (não tenho 100% de certeza, mas acho que não me perdi nas contas hehe) que abriga diversas atrações. A CCMQ tem espaço para exposições, oficinas, salas de cinema, biblioteca, também tem uma área com o quarto do poeta e varias outras coisas. Ahhh quase que esqueci, nela também tem um laboratório fotográfico que obviamente não poderia deixar de comentar né?



Vista da passarela de vidro pelo lado de fora.



Obviamente não poderia faltar uma foto da minha Zenit. Meu objetivo nesse dia era gastar o filme que ainda estava na câmera, mas não consegui dar conta mais uma vez. Até chega a ser um pouco irônico essa situação, com minha câmera digital eu consigo fazer centenas de fotos, mas com a analógica não consigo gastar as 36 poses.

Mas, provavelmente seja por eu usar a digital também. Então eu nunca acho alguma cena que seja digna de gastar uma das poses e ao invés uso a digital. Aí eu gasto umas 10 fotos no máximo com o filme.


Por conta dos óculos fica bem difícil fazer fotos com a analógica, demoro muito até ter certeza que o foco está okay. Espero que nesse ano consiga começar a usar lentes de contato, isso vai tornar muito mais fácil a minha vida haha



E essa sou eu tentando fazer uma foto descente, nem lembro que fotos fiz nesse dia, mas estou bem ansiosa para terminar esse rolo e assim descobrir. As fotos em que apareço foi a minha amiga que fez enquanto estava focada em fazer as fotos do prédio e do Jardim. Esse lugar em que estou é o Jardim Lutzenberger que fica no 5 andar que é o meu lugar favorito na CCMQ.

O jardim também é uma homenagem, mas ao ambientalista gaúcho Lutzenberger que era um grande defensor das paisagens naturais.


A maniaca dos cactos e suculentas atacando mais uma vez, mas é que eu não consigo evitar. Meu sonho é um dia ter um cactario na minha casa hahah


Tentando fotografar o topo do Majestic.




Me diz alguma coisa neste lugar que não seja lindo? Eu acho tão encantador essas banheiras vintages com plantas dentro (além da CCMQ ser toda rosa, ter vários cactos, suculentas e uma vista incrível de uma parte da cidade, embora poderia ser melhor essa vista se algumas partes não tivessem bloqueadas).






Outro lugar que amo é essas janelas gigantes e a vista que elas tem do resto da CCMQ.


Espero que vocês tenham gostado de conhecer um pouquinho desse lugar que amo aqui em Porto Alegre através dessas fotos e post. Se você estiver de passagem por aqui em algum momento no futuro, não deixe de visitar a CCMQ, é um dos lugares mais fofos em POA. Aqui está o site da Casa de Cultura que explica um pouco mais sobre o local e o que ele oferece.

Agora gostaria de saber a opinião de vocês sobre esse tipo de post, se vocês iriam gostar que eu trouxesse esse tipo de conteúdo para cá. Se vocês gostarem eu posso trazer outros lugares daqui de Porto Alegre que eu gosto muito nesse mesmo formato de post.

P.s. Espero que não tenham se cansado com a quantidade de fotos que apareceu no post, juro que cortei pela metade as fotos que tinha feito nesse dia.

sábado, 17 de fevereiro de 2018

Séries para maratonar nesse final de semana

Na maioria das vezes eu sou uma pessoa que costuma passar a maior parte do final de semana lendo livros (bookworm), sempre gostei da possibilidade que o livro trás, onde conseguimos obter muito mais detalhes ou nuances de uma história do que conseguiríamos em um filme ou série. Na maioria dos casos isso faz com que uma adaptação de um livro para as telas não agrade todos, até porque no livro temos 500 paginas (dependendo do livro né), já filmes e séries são poucas horas para que toda a história de um livro seja introduzida na tela.

E é aí que entra o motivo para esse post existir (poderia ser um post sobre adaptações ruins, mas não é hahahaha). Por não ter um costume de assistir séries, acabo  ficando um pouco desatualizada e boiando quando algum amigo fala sobre série X, então gostaria de usar esse final de semana para maratonar varias delas. Aí fiz uma listinha de séries novas, algumas eu até já assisti, mas estou querendo rever.

p.s: me desculpe por essa introdução ruim, mas eu acabei perdendo todo esse post e tive que refazer do zero e nem lembrava o que tinha escrito :/

- DARK -

A série dark conta a história de quatro famílias que vivem em uma pequena cidade alemã. Suas vidas pacatas são completamente atormentadas quando duas crianças desaparecem misteriosamente e os segredos obscuros das suas famílias começam a ser desvendados.

Essa série foi uma das melhores que assisti no ano passado, juro que ela me deu (e em todos que assistem) um nó na cabeça logo nos primeiros episódios. Mas, depois de algum tempo comecei a prestar atenção em alguns detalhes e entender um pouco mais. Ela aborda teoria do caos, dobras no espaço-tempo, buracos de minhoca e é por isso que a série fica um pouco complicada de entender.  

Lembro que na época em que dar foi lançado, muitas pessoas não gostaram dela por achar que ela era um pouco "lerda" ou "fria", mas essa não é uma série estadunidense (que estamos acostumados a assistir) e sim alemã, normalmente filmes/séries de lá são assim mesmo. Sempre gostei de filmes alemães e poloneses (longa história, também não quero fazer um post longo haha) então não senti uma diferença sobre como a história foi abordada e preferi assistir em alemão. Uma dica que eu posso dar para quem assistir essa série é entrar em um grupo do Facebook que fale sobre a série, é muito louco como um milhão de teorias são criadas lá hahahah


- THE END OF THE F***ING WORLD -

Eu fiquei sabendo da existência dessa série, por conta das inúmeras fotos que vi no We Heart (sim, eu ainda uso). Eu fiquei super apaixonada pelas fotografias, paletas de cores usadas nelas e as roupas deles, então como sempre, tentei pesquisar de onde tinha surgido aquelas fotos e eis que me deparo com essa série incrível.

Ela é uma série britânica dramática de humor negro (amo filmes e séries assim) que é baseada em um quadrinho chamado The end of the f***ing world, criado por Charles Forsman. Essa série conta a história de James (Alex Lawther) e Alyssa (Jessica Barden), que são dois adolescentes incomuns que não entendem onde eles podem se encaixar no mundo. James se considera um psicopata incapaz de sentir qualquer sentimento, enquanto Alyssa é temperamental, impulsiva, rebelde e não gosta das pessoas com quem convive incluindo sua mãe e seu padrasto. Os dois acabam se unindo por cada um achar que ambos são a resposta para os seus problemas, o que pode parecer uma história boba e comum, mas não é bem assim. Entre invasões, um assassinato e fugas, começamos a entender um pouco mais o motivo de cada personagem ser daquela maneira.

Depois que terminei a série fiquei super ansiosa pela segunda temporada </3

- LA CASA DE PAPEL -

La casa de papel é uma série espanhola, que conta a história de oito habilidosos ladrões se trancam na Casa da Moeda da Espanha com o ambicioso plano de realizar o maior roubo da história e levar com eles mais de 2 bilhões de euros. Para isso, a gangue precisa lidar com as dezenas de pessoas que manteve como refém, além dos agentes da força de elite da polícia, que farão de tudo para que a investida dos criminosos fracasse.

Essa é uma série que só vi um episódio, pra ser sincera eu só assisti até a parte em que o professor explica as regras de como tudo deveria ser para que o roubo desse certo. Então parei quando estavam escolhendo os nomes das cidades que cada um dos ladrões se chamariam. Então eu estou super ansiosa para entender o motivo de todos estarem gostando dela, espero não me decepcionar.

- ALTERED  CARBON -

No futuro, a sociedade se acostumou à prática da troca de corpos: após armazenar a consciência de uma pessoa, ela pode ser transferida a outra "capa", podendo viver várias vidas. O mercenário Takeshi Kovacs (Joel Kinnaman) acorda após 250 anos em outro corpo. Além de se adaptar a esta situação e à nova sociedade, ele é contratado por um homem riquíssimo para descobrir o autor de seu próprio assassinato. Tak conta com a ajuda de uma policial mexicana, um ex-militar tentando ajudar sua filha e um robô equipado com inteligência artificial.

Altered Carbon é baseado no livro com o mesmo nome que foi escrito pelo autor Richard K. Morgan. O tema da série é ciberpunk, que eu costumo amar, mas ainda não assisti essa série então não sou capaz de opinar sobre ela. Mas, para quem gosta de séries ciberpunk também tem a serie Mute que pelo trailer e sinopse deve ser bem legal, ela vai ser lançada no final do mês pela netflix. O elenco conta com Alexander Skarsgård (um dos irmãos Skarsgård <3) e Paul Rudd (nosso homem-formiga).

- EVERYTHING SUCKS! -

Essa série se passa em Oregon, 1996. Na escola de Boring, Kate Messner (Peyton Kennedy) e Luke O’Neil (Jahi Winston) são dois alunos que sabem muito bem o que é passar pelos dramas do colégio, mas não os únicos, já que todos os membros do clube de teatro e de vídeo sentem o mesmo desespero. Sem internet ou smatphones, essa turminha decide, então, produzir um filme para registrar todos os dramas do ensino médio.

Everything Sucks não é uma série que normalmente teria o costume de assistir, mas algumas seanas atrás assisti o trailer e li um post sobre ela. O fato dela se passar em 1996 o ano em que nasci foi o que me fez maratonar a série em poucas horas. Algo que achei interessante foi notar que algumas "modas" em 96 ainda existiam na época em que comecei a escola (2004), como aquela pulseira de plastico que batia no pulso e se enrola (me sentindo velha nesse momento, eu tive umas trocentas delas) se você não entendeu o que é, clique aqui. Se você curte séries de dramas adolescentes que se passam em uma escola, Everything Sucks é para você. Terminei essa série só por conta da minha grande curiosidade (não consigo deixar séries pela metade mesmo que odeie) queria ver se esperançosamente iria aparecer alguma coisa (zumbi, monstro, doença terminal ou qualquer coisa valida que me fizesse gostar da série) estilo stranger things, mas no terceiro episódio percebi que ia ser aquilo mesmo e não ira acontecer hahah.

E são essas séries que gostaria de indicar, tentei incluir séries para todos os gostos. Até teria outras para indicar como: The alienist, BritanniaBlack Lightning e tantas outras, mas o post ficaria gigante. 

E vocês? Qual dessas séries você já assistiu? Gostaria de indicar alguma? É só deixar sua opinião nos comentários, pois vou amar ler :)

Mad Souls © 2017 - . Por Karina Fagundes.